Parabéns Cachoeira de Minas

Minha terrinha faz hoje (01/06) 87 anos de emancipação política. Terra boa, de gente boa e de comida boa. Apesar de estar próxima, sinto muita falta de lá, da tranquilidade, dos passeios pelas ruas, da ventania.

Cachoeira de Minas já foi tema de muitas músicas, uma inclusive chama-se 1º de Junho. Não me lembro dela inteira, mas o refrão era assim:

(…) Piraquara do Sapucaí
Caboclinha de Minas Gerais
Caboclinha bem brasileira, mineira, uai
És de Minas Gerais. (…)

O hino da cidade, como não poderia ser diferente, canta o orgulho que sentimos por nascermos numa terra tão abençoada:

(…) És a estrela formosa que esplende
E o teu povo se orgulha de ti
Desde que Inácio da Costa Rezende
Fez-te às margens do Sapucaí

Zé Helder, cantor de música de raiz, um dos filhos da cidade, canta a cidade em seus versos:

No rio em que eu aprendi a nadar, oi
Tinha mandi que se pegava no tapa
Eu aprendi a nadar foi no Sapucaí Mirim
Em Cachoeira de Minas
Eu aprendi a nadar, oi
Em rio que se pegava mandi a tapa
Eu aprendi a nadar
Foi no Sapucaí Mirim em Cachoeira de Minas
Mas o mandi foi-se embora
Subiu para desovar, não voltou
Um ralador de mandioca
Foi quem meu rio envenenou
Manipueira!
É veneno, mata os peixes, fede mais que
um jatobá
Manipueira!
Pega essa sua mandioca e vai ralar em outro lugar

Para fechar, obviamente, não poderia faltar um por do sol maravilhoso, que me faz pensar todos os dias nos bons momentos que tive por lá, e que espero brevemente tê-los em demasia.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s