Receita de pão de queijo [2]

Vamos combinar que pão de queijo é bom a qualquer hora! Pode ser no café da manhã, um lanche rápido no fim de tarde, ou até mesmo para aquele dia que bate uma preguiça de fazer o jantar. Ele vai bem com café preto fresquinho ou com suco de laranja bem gelado. Dá para comer puro, com requeijão (depois que ele sai do forno, bem quentinho, hummmm!), rechear com presunto e queijo. Enfim, é soltar a imaginação e aproveitar!

Já publiquei uma receita dessa gostosura aqui no blog (confira aqui). É a versão da minha tia, que provavelmente foi passada a ela pela minha avó ou uma tia avó. É uma receita gostosa, que deixa os pães mais aerados, eles crescem muito, mas o interior fica todo cheio de buraquinhos.

Eu gosto mais daquelas versões massudas, que ficam com o interior bem macio e uma fina casca crocante, que é a receita que vou compartilhar com vocês hoje. Se não me engano, eu a obtive de um programa da EPTV (afiliada da Rede Globo no sul de Minas) chamado “Caminhos da Roça”.

Close da gostosura
Close da gostosura (os meus prefiro bem branquinhos)

Ingredientes:

  • 2 xícaras (chá) de polvilho (doce ou azedo)
  • 1 xícara (chá) de leite
  • 1/2 xícara (chá) de margarina derretida
  • 2 ovos
  • 1 xícara (chá) de queijo ralado (de preferência meia cura)
  • 1 pitada de sal

Modo de preparo:

  1. Coloque a margarina no microondas por 30 segundos para derreter e em seguida misture ao leite.
  2. Leve a mistura ao fogo até ferver.
  3. Em uma vasilha, coloque o polvilho e escalde com a mistura fervida. Reserve até esfriar.
  4. Quando estiver frio, acrescente os ovos, o sal e o queijo ralado e misture até obter uma massa homogênea.
  5. Passe óleo nas mãos e faça bolinhas com a massa.
  6. Coloque as bolinhas em uma assadeira e leve ao forno a 200° C por 30 minutos ou até dourar. Não é preciso untar a forma.

Rendimento: 20 pães de queijo médios.

Dicas:

  • Congelar: basta fazer as bolinhas, distribuí-las em uma vasilha de forma que não encostem umas nas outras e levar ao congelador por até 3 meses. Para assar, eu prefiro descongelar, mas também pode ir direto ao forno.
  • Recheio: assim que sair do forno, corte ao meio e recheie a gosto. Meu sabor favorito é o requeijão, mas pode ser frango desfiado, presunto e mussarela (ou muçarela?), cheddar, catupiri, queijo prato ou peito de peru.

Aprecie sem moderação!

Anúncios

Amor de mineiro

Ocê é o colírio du meu ôiu
É o chicrete garrado na minha carça dins
É a mairionese du meu pão
É o cisco nu meu ôiu
O rechei du meu biscoito
A masstumate du meu macarrão
Nossinhora! Gosdimais da conta docê, sô!
Ocê é tamém:
O videperfume da minha pintiadêra
O dentifriço da minha iscovdidente
Óiprocevê,quem tem ocê, tem um tisôru!
Ieu guárdesse tisouro, com todu carinho
Du lado isquerdupeito!
AMO ocê, uai!

Fonte: Publicado no Facebook por David Maia

Modéstia mineira

Não sou muito fã de publicar piadas no blog. Recebo muitas por email e poucas me dão vontade de compartilhar com quem conheço. Esta piada eu achei bárbara e faço questão de tê-la aqui para todos lerem, não apenas meus contatos de email.

Estava num passeio em Roma quando, ao visitar a Catedral de São Pedro fiquei abismado ao ver uma coluna de mármore com um telefone de ouro em cima.

Vendo um jovem padre que passava pelo local perguntei a razão daquela ostentação.

O padre então me disse que aquele telefone estava ligado a uma linha direta com o paraíso e que se eu quisesse fazer uma ligação eu teria de pagar 100 dólares.

Fiquei tentado porém declinei da oferta. Continuando a viagem pela Itália encontrei outras igrejas com o mesmo telefone de ouro na coluna de mármore. Em cada uma das ocasiões perguntei a razão da existência e a resposta era sempre a mesma: Linha direta com o paraíso ao custo de 100 dólares a ligação.

Depois da Itália vim para o Brasil e vim direto para MINAS GERAIS. Ao visitar a nossa gloriosa Catedral,fiquei surpreso ao ver novamente a mesma cena: uma coluna de mármore com um telefone de ouro.

Sob o telefone um cartaz que dizia: LINHA DIRETA COM O PARAÍSO – PREÇO POR LIGAÇÃO = R$ 0,25 ( vinte e cinco centavos )..

Não me agüentei, e perguntei…

– Padre viajei por toda a Itália e em todas as catedrais que visitei vi telefones exatamente iguais a este, mas o preço da chamada era 100 dólares. Por que aqui é somente R$ 25 centavos?

O Padre sorriu e disse. – Meu filho, você está em MINAS.  Aqui a ligação é Local.

Por que mineiro fala “trem”?

Segundo o Aurélio:

Trem: [Do fr. train.] S. m.

1. Conjuntos de objetos que formam a bagagem de um viajante.

2. Comitiva, séquito.

3. Mobiliário duma casa.

4. Conjunto de objetos apropriados para certos serviços.

5. Carruagem, sege.

6. Vestuário, traje, trajo.

7. Mar. G. Bras. Grupamento de navios auxiliares destinados aos serviços (reparos, abastecimento, etc) de uma esquadra.

8. Bras. Comboio ferroviário; trem de ferro.

9. Bras. Bateria de cozinha.

10. Bras. Pop. Qualquer objeto; coisa, treco, troço.

11. Bras., MG e S. Fam. Indivíduo sem préstimo, ou de mau caráter; traste. • Adj. 2 g. e 2 n.

12. Bras., MG Pop. Diz-se de pessoa sem préstimo e/ou de mau caráter: É um sujeito muito t r e m; São mulherzinhas muito t r e m. ~ V. trens.

Trem de aterragem. V. trem de aterrisagem. Trem de aterrissagem. Mecanismo sustentador das rodas do avião; trem de aterragem, trem de pouso. Trem de ferro. Bras. Trem (8). Trem de onda. Fís. V. pacote de onda. Trem de pouso. V. trem de aterrissagem. Trem de vida. Maneira de alguém da família viver, geralmente quanto aos gastos, ao nível econômico: “Não há …. desprestígio para o sertanejo nordestino em ter permanecido dentro dessas limitações com o seu  t r e m  d e  v i d a  insignificante, em termos de riqueza.” (Souza Barros, Cercas Sertanejas, pp. 15-16).

Destaque para a definição número 10. Bem que já me disseram que mineiro é inteligente, agora o Aurélio comprova. Se trem é qualquer coisa, pra quê complicar? Para um bom entendedor, trem é trem.